ARTIGOS LIMPEZA & HIGIENE

Como manter o quintal organizado, limpo e livre do mosquito da dengue

REDE PORTAIS - O PORTAL DO VETOR DO NORTE quintal Como manter o quintal organizado, limpo e livre do mosquito da dengue ARTIGOS LIMPEZA & HIGIENE

 

REDE PORTAIS - O PORTAL DO VETOR DO NORTE planta Como manter o quintal organizado, limpo e livre do mosquito da dengue ARTIGOS LIMPEZA & HIGIENE

Plantas podem acumular água nos pratos e também nas folhas — Foto: Pixabay/Divulgação

Você tem quintal em casa? Se sim, sabe que o espaço é uma ótima opção para o lazer da família e dos pets, mas também pode ser um enorme parque de diversões para o Aedes aegypti se o quintal não receber os devidos cuidados, colocando a saúde de todos em risco. O mosquito é o transmissor da denguechikungunyazika vírus e febre amarela, e a maioria de seus criadouros ficam na casa das pessoas, especialmente em quintais abertos. Por isso, fique atento às dicas de como manter o quintal organizado e limpo!

  • Plantas

 

Sem dúvidas, as plantas embelezam o quintal. Mas, além dos cuidados com elas, é preciso ter cuidado com a água que pode acumular nos pratinhos dos vasos e nas próprias folhas.

Nos pratinhos, a recomendação para evitar a proliferação do Aedes é encher de areia até a borda. Se o prato já acumulou água, retire o conteúdo e escove o recipiente com água e sabão, para eliminar os ovos e larvas.

Alguns tipos de plantas, como as bromélias, podem acumular água. Fique atento a elas e remova regularmente a água e, se possível, transfira-as para um local coberto.

  • Piscina e fonte

 

Piscinas e fontes de água devem estar sempre devidamente tratadas e cloradas. Quando não estão em uso, é recomendado que fiquem cobertas, mantendo o cuidado de não deixar água e folhas acumularem-se na capa.

  • Móveis de jardim

 

Os móveis e enfeites de jardim expostos ao tempo também podem acumular água depois de uma chuva, por exemplo. Por isso, é importante vistoriar regularmente o seu quintal e identificar os locais de água parada. Ao encontrar um possível criadouro, remova a água e escove o objeto com água e sabão.

REDE PORTAIS - O PORTAL DO VETOR DO NORTE quintal Como manter o quintal organizado, limpo e livre do mosquito da dengue ARTIGOS LIMPEZA & HIGIENE

Móveis e enfeites de jardim expostos ao tempo também podem acumular água — Foto: Pixabay/Divulgação

  • Vasilhas dos pets

 

O bebedouro e comedouro do seu animalzinho de estimação devem ser limpos semanalmente, mesmo quando não ficam expostos ao tempo. Lave-os com água e sabão com o auxílio de uma bucha.

  • Tonéis, tanques de água e outros recipientes

 

Mantenha todos os recipientes tampados no quintal. O interior dos tanques utilizados para armazenar água deve ser lavado semanalmente, também utilizando escova e sabão.

  • Calha

 

Esteja atento às sujeiras que ficam paradas nas calhas, especialmente após dias de muito vento e chuvas. As folhas podem acumular água, além de impedir o escoamento pela calha, tornando-a um criadouro do Aedes aegypti. O mosquito pode alcançar alturas superiores a 1,5 metros e, portanto, acessam as calhas.

  • Ralos

 

O Aedes aegypti se reproduz em água parada limpa ou suja. Por isso, os ralos também são criadouros em potencial. Para evitar sua proliferação, basta mantê-los fechados ou telados com aberturas milimétricas.

  • Lixo e entulho

 

Não acumule entulho no quintal, pois até mesmo restos de construção são potenciais criadouros para a reprodução do mosquito da dengue. Faça uma limpeza geral e descarte corretamente o material. Remova toda e qualquer sacolinha e não deixe os sacos de lixo expostos ao tempo.

  • Lona

 

A lona pode ser uma boa alternativa para cobrir materiais de construção que estejam armazenados no quintal, no entanto devem estar sempre bem esticadas para não acumular água.

Água sanitária

 

A água sanitária é uma aliada no combate ao Aedes aegypti no quintal das casas. De acordo com o Ministério da Saúde:

  • Vasos sanitários que não são de uso diário: Adicionar uma colher de chá (5 ml) de água sanitária;
  • Caixa de descarga sanitária que não é de uso diário: Adicionar duas colheres de sopa (30 ml) de água sanitária;
  • Ralos externos – que captam água de chuva e de limpeza – e internos: Adicionar uma colher de sopa (15 ml) de água sanitária;
  • Tambores de armazenamento (200 litros) de água não utilizada para consumo humano ou animal: Adicionar dois copos americanos (400 ml) de água sanitária;
  • Plantas que possam acumular água: Uma colher de café (2 ml) para cada litro de água e preencher nos locais onde acumulam água.

 

Outra dica é estabelecer um dia da semana para fazer uma varredura em casa. A atitude dura menos de 15 minutos e pode poupar você e sua família das doenças do Aedes aegypti.

Máxima proteção em todos os lugares

 

O uso do repelente não exclui a necessidade de manter a casa limpa e livre de criadouros, mas é uma medida extra para se proteger do Aedes aegypti. O repelente fullREPEL tem a concentração ideal de Icaridina em sua fórmula e oferece até 12 horas de proteção contra todos os mosquitos. O repelente tem fácil aplicação e não deixa a pele oleosa e está disponível nas versões adulto e infantil.

Além disso, a marca também lançou a versão fullREPEL 2 em 1, que une o protetor solar FPS 30 com o poderoso repelente de insetos. É o fullREPEL Revolution Summer – à base de Dietiltoluamida e ideal para usar na praia, na piscina e nas ruas – e o fullREPEL Revolution Everyday – com Icaridina na composição, o mais indicado pela OMS.

FullREPEL pode ser encontrado nas principais redes de farmácias e supermercados do país ou pela internet. Para mais informações, acesse o site www.fullrepel.com.br ou a nossa página. Máxima proteção não custa caro.

FONTE: https://g1.globo.com/sp/itapetininga-regiao/especial-publicitario/fullrepel/maxima-protecao-nao-custa-caro/noticia/2019/04/18/como-manter-o-quintal-organizado-limpo-e-livre-do-mosquito-da-dengue.ghtml

Redação RP

Redação RP

A Milts atua diretamente no desenvolvimento de seus próprios empreendimentos digitais e ainda na Criação de sites profissionais para os mais diversos segmentos, Atuamos também com marketing promocional

Comentar

Clique no post para comentar

*

code