Moda

TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA APOSTAR NAS NAIL ARTS COM ESPAÇO NEGATIVO

As nail arts com espaço negativo vieram para ficar e, para quem gosta de desenhos diferenciados nas unhas, elas continuam com força total nesta temporada. Quer apostar, mas não sabe como fazer?

“Elas continuam em alta e entram bem nessa questão do menos é mais que está muito forte. Você tem uma nail art que dá para levar para todo lugar, porque fica bem discreta e elegante. Para quem trabalha em ambientes mais sérios, boas opções são os esmaltes nude, o grande destaque do verão, e o preto”, explica a manicure Conceição Pimentel, da Esmalteria Nacional.

Definindo o formato

Fotos: reprodução/Instagram @aliciatnails; @laurenmichellepires

Para fazer um espaço negativo bacana é bom ter em mente qual o formato desejado. Alguns deles são mais fáceis quando você não tem muita habilidade. “As faixas grossas sem esmalte, no centro ou na parte de baixo (deixando apenas o topo pintado), ficam bonitas e são muito simples e rápidas de fazer. Diagonal e meia-lua também sãp fáceis, porque você consegue encontrar adesivos de nail art para guiar”, aconselha.

Proteja as unhas

Proteção com base é indispensável. Foto: clownbusiness/iStock

Mesmo mantendo boa parte das unhas sem esmalte, é muito importante que você utilize a base – que vai dar acabamento e ainda te proteger. “Esmalte tem pigmento, então você precisa dessa camada de proteção. Pode optar pela fosca, que é bem bacana para quem quer passar a semana inteira com a nail art, ou a com brilho, que sobressai mais e é boa para dar destaque nos dias casuais”, revela.

Desenho sem erro

Fitilhos e adesivos ajudam a criar desenhos sem erros. Foto: marigo20/iStock

Os fitilhos e adesivos são ótimos aliados na hora de fazer o espaço negativo, afinal, você ganha um guia firme que não vai deixar o esmalte vazar. “Você pode colar quando a base estiver completamente seca para não acabar levantando ao tirar. Aplique formando o desenho que você quer, pinte as unhas e remova com cuidado quando o esmalte ainda estiver molhado, mas não estiver mais escorrendo. O ideal é tirar quando ele ainda está em processo de secagem, mas já está firme no lugar”, indica.

Borrei, e agora?

Mesmo com as fitinhas, é comum acabar borrando um pouco por tirar na hora errada ou não ter deixado a guia fixa o bastante. É algo simples de resolver: “Se foi para além do desenho apoie bem o braço na mesa para ter firmeza nas mãos e pegue um palito com uma camada bem fina de algodão (se ficar fofo demais, você vai ter mais dificuldade). Molhe bem na acetona e venha limpando”.

Finalize corretamente

A finalização é muito importante neste tipo de nail art, principalmente porque as fitinhas deixam um pouco de “dentes” ao serem removidas. “Essa irregularidade some quando você cobre com o top coat, e você pode usar o extrabrilho para ter bastante destaque, ou deixar o seu esmalte matte com a base fosca, é uma questão de gosto pessoal”, esclarece.

Sobre o Publisher

Redação

Deixe um comentário !

Click para comentar o post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *