Jardinagem

Conheça as plantas que se desenvolvem melhor no verão

A chegada do calor não deixa dúvidas de que o verão é uma ótima estação para deixar o jardim mais bonito. É a partir de setembro que as plantas saem do período de dormência, florescendo mais rapidamente e dando um novo colorido às ruas e jardins. E, para quem deseja começar o próprio canteiro nessa época, é importante lembrar quais são as melhores opções de mudas para deixar o jardim florido já para o fim de ano.

Bióloga e paisagista na empresa A Prima Plantarum, Heloiza Rodrigues explica que o ideal é investir em flores anuais — tipo de planta que germina, cresce e se desenvolve no período de um ano e tem crescimento rápido no jardim.

As estações quentes são o melhor período do ano para plantar. Foto: Gerson Lima

Com a longa duração do dia, as estações quentes são o melhor período do ano para plantar. Foto: Gerson Lima/Divulgação

Além disso, o clima precisa ser levado em conta na escolha das mudas. “Não plante espécies que morrem com a geada, como a alamanda. Plantas próprias de clima quente não sobrevivem no inverno de Curitiba por conta do período do frio”, ela explica.

E quais são as melhores espécies de flores anuais para aproveitar o tempo quente? Beijinho japonês, crisântemo, lavândula e petúniasão algumas opções. A paisagista deixa uma dica para trazer as flores para dentro de casa: “Ao tirar do vaso, plante em uma bacia de cerâmica baixa e larga com terra adubada, e assim você tem um colorido bonito e rápido”.

Margaridas também são flores que casam bem com o verão. Foto: Heloiza Rodrigues/A Prima Plantarum

Margaridas também são flores que casam bem com o verão. Foto: Heloiza Rodrigues/A Prima Plantarum/Divulgação

Uma opção é plantar mudas de beijinho japonês de cores diferentesjuntas, montando um arranjo.

Tempo de suculentas

Queridinhas da vez, as suculentas são plantas de sol. Por isso, ao contrário de outras, precisam de pouca água para sobreviver. A grande dica para quem mantém a plantinha dentro de casa é aproveitar o verão para deixá-la sempre perto de uma janela com bastante luz do sol.

“Sem muita luz, ela pode aguentar, mas vai se virar para a luz e buscar o sol, ficando torta”, lembra Heloiza. Como as suculentas crescem lentamente, a falta de luz interfere diretamente no processo, deixando a planta fraca.

Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

Influência do verão

A paisagista explica que as plantas naturalmente já têm um crescimento mais rápido nesta época do ano por conta do maiorperíodo de luz durante o dia. “No outono e inverno, as plantas ficam em dormência e não crescem. O que faz que elas se despertem é o comprimento do dia. Conforme o dia vai ficando mais longo, as plantas saem desse período”, explica ela. Associado a isso, o aumento da temperatura também influencia nesse crescimento.

Cuidados básicos

Com um maior crescimento das plantas, é necessário ficar atento à poda periódica de plantas que necessitam desse cuidado. Heloíza também atenta que esta é a época de adubar plantas que estão no jardim, usando um adubo que tenha macro e micronutrientes.

Além disso, vale lembrar da regra de ouro: a rega. “No verão costuma chover muito, principalmente no final da tarde. Como o sol é muito quente, se passa um dia sem chuva a água evapora muito rápido”. A atenção precisa ser redobrada com mudas recém-plantadas e canteiros com plantas de raízes rasas, regando todos os dias. E o cuidado continua mesmo para quem viaja: “É uma boa época para ter um jardim florido, mas desde que você tenha alguém pra molhar. Nesse calor, não dá pra esquecer!”, comenta.

Vasos de lavândulas. Foto: Heloiza Rodrigues/A Prima Plantarum

Vasos de lavândulas. Foto: Heloiza Rodrigues/A Prima Plantarum/Divulgação

Sobre o Publisher

Redação

Deixe um comentário !

Click para comentar o post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *